domingo, 27 de janeiro de 2019

Associação Desportiva Vitória - Desportiva Vitória

Por Henrique Martins, Adm do Blog Acervo Futebolístico Pernambucano
27/01/2019



Ficha do Clube
Nome
Associação Desportiva Vitória
Fundação
03 de Agosto de 1990
Cidade/Mesorregião
Vitória de Santo Antão – Zona da Mata
Mascote
Taboquito
Status
Extinto
Competição
Pernambucano Série A2 – 2007 (Última competição)
O Clube

A Associação Desportiva Vitória, foi um clube de Futebol sediado na cidade de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata Pernambucana, foi sem dúvidas uma das maiores forças do futebol do interior na década de 90.

História

Fundada em 03 de agosto de 1990, a Desportiva Vitória surgiu numa iniciativa do Dr. Paulo Roberto Leite de Arruda e do saudoso José Edson da Silva "Zezinho do Corinthians" presidente da Liga Vitoriense de Futebol, juntaram-se a eles os desportistas Neildo David, Valmir Willians, Adílson S. de Brito, Elpídio Moura, Bartolomeu de Souza, Geraldo Lima, Pindoba, João Cerino, Giselda Tavares e Alcides Gomes que resolveram criar um time profissional à altura da cidade e que pudesse também estimular a prática entre as crianças e adolescentes da região.
O seu principal rival é o Vera Cruz (time da mesma cidade) que também joga no estádio Carneirão em Vitória de Santo Antão, os dois times fazem o clássico VI-VER.
O Vitória foi desfiliado da FPF (Federação pernambucana de Futebol) em 2007, ano este em que foi extinto.
Durante sua existência, o time do Vitória mandava seus jogos no Estádio Municipal Severino Cândido Carneiro ou o popular Carneirão, de capacidade para 10.911, torcedores, que infelizmente foi esquecido pelo poder público local e hoje se encontra em um completo estado de abandono, forçando os atuais times da cidade, Acadêmica Vitória e Vera Cruz a mandarem seus jogos em outras cidades.


Carneirão em 2016 - Foto, Globoesporte.com
Carneirão em 2018 - Foto, Wellington Araújo (@wareporter)


O Estádio Carneirão já recebeu um recorde de público de 10.081 pessoas, em jogo válido pelo campeonato pernambucano da 1ª divisão em 1998, no jogo em questão empate entre a Desportiva Vitória e o Náutico por 1x1.

O time da Desportiva Vitória era considerada uma das potências no futebol do interior pernambucano na década de 90, o time além das boas campanhas na edições do campeonato pernambucano, ainda esteve presente em cinco edições do Brasileirão da 3ª divisão

Colocações em competições

Campeonato Brasileiro 3ª divisão

1992 - 11º, 1994 - 15º, 1995 - 35º, 1997 - 47º e 2005 - 63º

Campeonato Pernambucano 1ª divisão

1991 - 4º, 1992 - 5º, 1993 - 5º, 1994 - 6º, 1995 - 6º, 1996 - 4º, 1997 - 8º, 1998 - 7º, 1999 - 4º, 2000 - 8º, 2001 - 10º, 2005 - 6º e 2006 - 10º.

Campeonato Pernambucano 2ª divisão

2004 - 2º, 2007 - 14º

Copa Pernambuco

1994 - 2º, 1995 - 1º, 1996 - SD, 1997 - SD, 1998 - SD, 1999 - SD, 2000 - SD, 2001 - SD, 2002 - SD, 2003 - 3º, 2004 - 1º, 2005 - SD.

Fotos e Imagens Raras

Time da Desportiva Vitória na década de 90 - foto: Panorama Esportivo
Time da Desportiva Vitória em 1991 - foto: 

Time da Desportiva Vitória na década de 90 - foto: Futebol No Domingo
Com a extinção da Desportiva Vitória, a equipe renasceu como um novo clube, que é a Acadêmica Vitória, que inclusive utiliza as mesmas cores do antigo clube, é bom lembrar que não são a mesma equipe, são clubes diferentes da mesma cidade.
Escudos antigos
 Vitória(AD)/PE [BRA]

Fontes: Bola na Área, Wikipédia, Panorama Esportivo, Futebol Nacional, Futebol no Domingo, Nossa Vitória.

domingo, 20 de janeiro de 2019

Paulistano Futebol Clube

Por Henrique Martins, Adm  do Blog Acervo Futebolístico Pernambucano
20/01/2019


Ficha do Clube
Nome
Paulistano Futebol Clube
Fundação
07 de Agosto de 1982
Cidade/Mesorregião
Paulista – Grande Recife
Mascote
----
Status
Desativado
Competição
Pernambucano Série A1 - 1993
O Clube

Paulistano Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol do município de Paulista, atualmente encontra-se desativado, porém esteve presente no campeonato estadual entre os anos de 1982 a 1993, quando foi rebaixado.

Para podermos começar a falar do Paulista Foot-Ball Club e do Paulistano Futebol Clube, precisamos falar do Paulistano Esporte Clube, antigo time da cidade que foi fundado em em ainda na década de 20


Voltando para a década de 1910

Escudo do Paulista
Voltando a década de 1910

Fundado em 08 de março de 1915, o time do Paulista Foot-Ball Club nasceu quando a cidade de Paulista ainda era um distrito da cidade de Olinda, e suas origens são da CTP (Companhia de Tecidos Paulista), onde também mandava seus jogos (campo da CTP - 1.500 torcedores).

O time do Paulista esteve presente em duas edições do Campeonato Pernambucano de Futebol, 1916 e 1917, se tornando o primeiro clube fora de Recife a participar do estadual, onde no qual realizou campanhas modestas, tendo inclusive abandonado a competição em 1917, perdendo por W.O seu último jogo contra o Casa Forte FC.


Depois de 1917 o clube jamais retornou para o estadual, permanecendo desativado até os dias atuais.

Avançando para a década de 1920

No dia 16 de Janeiro de 1922 era fundado o time do Paulistano Esporte Clube, onde desde então o clube passaria a representar a cidade em competições estaduais e também participaria do campeonato citadino local, porém o clube jamais conseguiu entrar no Campeonato Pernambucano, e em nossas pesquisas não encontramos nenhum registro sobre sua participação nos campeonato da cidade.


Recorte de Jornal com o escudo do Paulistano EC
O maior indício de que o Paulista Foot-Ball Club passou a se chamar Paulistano Eporte Clube, é o fato de seus fundadores serem a mesma pessoa, o Coronel Frederico Lundgren, onde alem de manter os escudos parecidos, as cores também permaneceram no caso era o Azul e Amarelo.

Esse fato pode ser visto no mesmo jornal de onde o escudo saiu, portanto essa é uma informação sem concretização, ou seja pode ser tratada como um conto do futebol.

Para conferir essa história completa cliquem nos links abaixo:

>>> Paulista Foot-Ball Club <<<

>>> Paulistano Esporte Clube no Pernambucano <<<

De volta para a década de 1980

Em 1980 a ideia de que Paulista merecia um time profissional na elite estadual já estava madura e também já era concreta, só que para isso se houve muitas opções e dentre as mais viáveis, era de pegar um clube amador forte filiado a Liga de Paulista e profissionaliza-lo, onde os favoritos eram a Associação Esportiva Palmeiras (Campeão da Copa do Interior de 1980) e o Vera Cruz Futebol Clube (Várias vezes campeão do município).

Porém o então prefeito, Ademir Cunha em reunião com dirigentes de vários clubes amadores, optou por ressuscitar o Paulista Foot-Ball Club, que estava desativado desde 1917, o que gerou divergências com a FPF, que alegava que trazer o antigo Paulista seria muito problemático juridicamente.

Com isso o prefeito decidiu então criar um novo clube, que levaria consigo o nome e as cores da bandeira da cidade para a elite estadual, e assim em 07 de agosto de 1982 nascia o Paulistano Futebol Clube, que mandaria no também novíssimo estádio Ademir Cunha, que na época de sua inauguração possuía a capacidade para 20.000 torcedores.

Trajetória na elite estadual

O Paulistano esteve presente em 12 edições do campeonato estadual, onde brigava de igual para igual com os times intermediários, e em sua maioria das vezes, encerrando a competição no meio da tabela, confiram as colocações finais de cada ano do Paulistano na elite estadual.

1982 - , 1983 - , 1984 - , 1985 - , 1986 - , 1987 - , 1988 - , 1989 - , 1990 - , 1991 - , 1992 - , 1993 - 9º.

Brasileirão Série C

No ano de 1987 o 5º lugar no campeonato pernambucano, rendeu ao Paulistano uma classificação Inédita para o campeonato brasileiro da ´série C de 1988, onde o clube caiu no grupo 2, junto a Botafogo - PB, Auto Esporte - PB e Alecrim - RN, tendo inclusive se classificado para a segunda fase onde caiu em um forte grupo junto a Botafogo - PB, Campinense - PB e ABC - RN, tendo ficado em último neste grupo e sendo eliminado da competição, fechando a competição no 19º lugar geral.

Confiram os jogos do Paulistano na Série C de 1988:

1ª Fase
Paulistano 0x0 Alecrim (4x3)
Paulistano 0x1 Auto Esporte
Auto Esporte 1x4 Paulistano
Botafogo 2x0 Paulistano
Paulistano 0x1 Botafogo
Alecrim 0x1 Paulistano

2ª Fase

Campinense 3x2 Paulistano
Paulistano 1x0 ABC
Paulistano 0x1 Botafogo
ABC 1x0 Paulistano
Paulistano 1x4 Campinense
Botafogo 0x2 Paulistano

O fim do clube

Não existe nenhuma fonte concreta que confirme o fim do Paulistano, mais o que nos podemos especular é que o time teve o mesmo final de muitos clubes no interior pernambucano, onde os patrocínios se vão, a prefeitura deixa de apoiar, e o clube fica sem saída, com dívidas trabalhistas e outras mais, no Campeonato Pernambucano de 1993 o time foi eliminado/rebaixado da competição, junto com Sete de Setembro e Íbis, e deste ano para cá o time não mais voltou para as competições oficiais.

Houve um tentativa de alguns empresários de trazer o clube de volta a ativa no ano de 1999, porém não obtiveram sucesso, e assim o Paulistano ficou na história de Pernambuco.

Ídolos

Dentre os maiores destaques que já passaram pelo Paulistano, podemos destacar Givanildo Oliveira, que treinou o clube em 1991, e claro o atacante Rivaldo, que jogou na escolinha do Paulistano antes de ir para o time do Santa Cruz.


Rivaldo no Paulistano - Foto PE Retrô
Imagem rara




Fontes: Wikipédia, Blog a História do Futebol, Bola na Área, Diário de Pernambuco e Futebol Nacional.
Escudo do Paulista Foot-Ball Club redesenhado por Sérgio Mello do Blog a história do Futebol.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Sociedade Esportiva Decisão Futebol Clube

Por Henrique Martins, Adm do Blog Acervo Futebolístico Pernambucano
18/01/2019

Ficha do Clube
Nome
Sociedade Esportiva Decisão Futebol Clube
Fundação
28 de Outubro de 1996
Cidade/Mesorregião
Recife - Capital
Mascote
Falcão
Status
Em atividade
Competição
Pernambucano Série A2 - 2019
O Clube

O Decisão foi fundado em 28 de outubro de 1996, na cidade do Recife, onde no qual atuou até 2000, geralmente no estádio dos Aflitos.

Sim, não é de se estranhar, como o escudo antigo já indica o time do Decisão nasceu do Colégio Decisão do Recife, sendo por um bom tempo como a única escola do Brasil a possuir um clube de futebol profissional, atuando em competições oficiais.

E sua trajetória nas competições oficiais já começou no ano de 1997, quando o clube entrou na série A2 estadual e de lá até 2018 se foram 13 campeonatos pernambucanos da série A2, porém o clube jamais alcançou a Série A1, tendo batido na trave em 04 ocasiões, 2010, 2011, 2017 e 2018, onde em todas elas o clube foi eliminado nas semifinais da competições, confiram as colocações do clube na série A2

1997 - , 1998 - 10º, 1999 - , 2000 - 17º, 2001 - 16º, 2003 - , 2004 - 11º, 2007 - 12º, 2008 - 14º, 2010 - , 2011 - , 2017 - , 2018 - 3º.

Além da série A2 o clube também disputou duas edições da extinta Copa Pernambuco, no ano de 2001, quando foi vice-campeão e em 2003, quando ficou na 9ª colocação geral.

Clube Andarilho

Desde sua fundação, o time do Decisão nunca teve um estádio próprio, e assim como muitos clubes teve que se virar para conseguir um local para atuar, originalmente o clube atuou em Recife apenas por dois anos, 1997 e em 2001 nos demais o clube sempre esteve em outras cidades confiram:

1998/1999/2000/2008 - Itambé, lá o clube mandou seus jogos no estádio Municipal José Pereira de Andrade de capacidade de 4.000 torcedores.


2003 - Camaragibe, mais próximo de Recife o Clube mandou seus jogos no estádio municipal Profº Luiz Alexandrino de capacidade de 1.500 torcedores.


2004 - Timbaúba, já na Zona da Mata Norte, o clube mandou seu jogos no estádio Municipal Ferreira Lima, de capacidade para 7.000 torcedores.


2007/2017/2018/2019 - Bonito, em 2019, será o 4º ano do clube na cidade de Bonito onde lá manda seus jogos no estádio Municipal Artur Tavares de Melo, de capacidade para 4.000 torcedores.




2010/2011 - Chã Grande, no biênio 2010 e 2011 o clube fez parceria com a cidade de Chã Grande, mandando seus jogos no estádio Municipal Ewerson Simões Barbosa, de capacidade para 3.600 torcedores.


Parcerias

Durante seus anos de existência o time do Decisão já fez várias e várias parcerias, dentre as mais populares podemos citar em 2014, quando o clube fechou com a equipe americana do Flórida Rush, com objetivo melhorar a cooperação técnica e na base, porém não teve muito sucesso e foi desfeita ainda no mesmo ano.

Escudo em 2014
Uma curiosidade desta parceria é de que o clube estava sediado em Camaragibe, porém o estádio não reunia condições, e esse foi um dos fatores para o fim da parceria.

No ano de 2010, o time fechou parceria com a prefeitura de Chã Grande, onde o clube atuaria como uma espécie de "fusão" com o Chã Grande FC, a parceria encerrou em 2012, neste ano o clube ainda atuava com seu escudo antigo.

E finalizando, em 2017 o time voltou para a cidade de Bonito depois de 10 anos vagando por outras cidades de Pernambuco, fechando parceira com a prefeitura local, o clube passou a adotar o nome Decisão/Bonito Futebol Clube, onde esta parceria vem provando ser a mais bem sucedida até então, pois em 2017 e em 2018 o clube bateu na trave para subir a elite estadual.

Escudo utilizado atualmente
Time do Decisão em 2018


Fontes: Rsssf Brasil, Wikipédia, Blog a História do Futebol
Escudo de 2014 Redesenhado por Sérgio Mello do Blog a História do Futebol